• Ale Nagado

ANGEL - A Menina das Flores

É hora de recordar – ou descobrir – a saga de uma antiga aventureira que encantou fãs de desenhos japoneses na década de 1980.

Capa do single com as músicas da série.

No início dos anos 1980, fãs de animação japonesa tinham poucas opções para assistir. Nessa época, alguns títulos interessantes foram exibidos na TVS, atual SBT. Um desses títulos foi Angel - A Menina das Flores. Uma aventura ingênua, sentimental e despretensiosa, com personagens adoráveis.


Ao descobrir ser descendente de seres alienígenas da distante Estrela Floral (Estrela Flowerne, no original), a bela adolescente Angélica (Lunlun Flower, no original) deixa o lar de seus avós e parte pelo mundo em busca da lendária Flor-das-Sete-Cores, elemento vital para a salvação de seu povo. Ela carrega um medalhão mágico que transforma suas roupas em qualquer traje de sua imaginação.


Angel viaja sempre acompanhada por dois animais falantes vindos da Estrela Floral para ajudá-la: o cão Baldo e a gatinha Katty. O trio é sempre perseguido pela ardilosa Malícia e seu ajudante Ivan, que também estão atrás da preciosa flor. Malícia é descendente de um clã que fora destruído no passado ao tentar usurpar o trono do planeta. Seu objetivo é usar a flor mágica para se tornar a rainha de seu povo.

Angel, Baldo, Katty e o gentil Príncipe Felipe.

Um enviado da Estrela Floral, o galante Príncipe Felipe, secretamente segue Angel por onde quer que ela vá, sempre a ajudando quando necessário. Felipe sempre aparece em momentos de perigo para Angel, e obviamente surge uma forte ligação entre eles.


A série tinha um clima ingênuo, onde dinheiro não é problema e Angel, mesmo sendo apenas uma adolescente, viaja de um país a outro sem um adulto a acompanhando e isso não chama a atenção de ninguém.


Obra original da Toei Animation, um dos destaque da produção foi o desenhista Shingo Araki (1939~2011), que depois trabalharia na série clássica dos Cavaleiros do Zodíaco (1986).


Sucesso na época de seu lançamento no Japão, Angel faz parte de um gênero de animê chamado de Mahô Shôjo, ou Magical Girls, geralmente (mas nem sempre) voltado ao público feminino infanto-juvenil. A primeira Magical Girl reconhecida como tal foi Akko, da série Himitsu no Akko-chan, criação de Fujio Akatsuka. A personagem surgiu em mangá em 1962 e virou animê de enorme sucesso em 1969.


Obras como Sailor Moon, Sakura Card Captor, Rayearth Glitter Force (PreCure) e até a série adulta Madoka Magica estão nesse gênero, que ao contrário das franquias, não pertence a um estúdio específico.

Com boa repercussão, Angel ainda teve um curta-metragem para cinema com 15 minutos de duração, lançado no evento Manga Matsuri ("Festival do Mangá") da Toei, em 1980. O festival reunia especiais de cinema tanto da Toei Animation quanto da Toei Company, que produz heróis de tokusatsu. No Brasil, a série foi dublada dos estúdios da TVS e ganhou uma abertura totalmente original, composta por Mário Lúcio de Freitas e cantada por Sara Regina, que na época já havia gravado temas para novelas mexicanas exibidas no SBT. A canção é muito bonita e é da mesma safra que incluiu os animês Rei Arthur e Fábulas da Floresta Encantada.


Infelizmente, nem o SBT e nem a TV Record exibiram o final da série, visto por pouca gente apenas na TV Corcovado (atual CNT), já nos anos 1990. Angel foi um pequeno clássico dos animês que passou no Brasil sem muito alarde, mas que conquistou muitos fãs e certamente merecia um lançamento em DVD.

FICHA TÉCNICA: Título original: Hana no Ko Lunlun ~ 花の子ルンルン("Lunlun, a Filha das Flores") Estreia no Japão: 09/ 02/ 1979 (TV Asahi) Número de episódios: 50 EQUIPE DE PRODUÇÃO: Criação: Shiro Jinbo Roteiro: Noboru Shiroyama, Hirohisa Soda, Yoshiaki Yoshida e outros Design de personagens: Shingo Araki e Michi Himeno Story-boards: Hiroshi Shidara, Yoshikata Nitta, Atsuhito Takagi e outros Trilha Sonora: Hiroshi Tsutsui Direção de animação: Michi Himeno, Goro Mori, Tsuneho Kashima e outros Chefe de direção: Hiroshi Shidara Realização: Toei Animation


ELENCO - Vozes originais

- Os nomes originais dos personagens aparecem entre parênteses.


Angel (Lunlun): Mari Okamoto Felipe (Sergio Flora): Yu Mizushima

Katty (Cateau): Fuyumi Shiraishi

Baldo (Nuubo): Takuzou Kamiyama

Malícia (Togenicia): Michie Kita

Ivan (Yaboki): Sanji Hasen


::: V Í D E O S :::


1) Tema de Angel

Composição: Mário Lúcio de Freitas Intérprete: Sara Regina


2) Hana no Ko Lunlun ~ Tema de abertura original

Letra: Kazuya Senke / Melodia: Asei Kobayashi

Intérpretes: Mitsuko Horie & The Chirps


Relembre também:

- Candy Candy

- Rei Arthur


_________________________


Campanha Sushi POP no Apoio Coletivo


- Gosta do meu trabalho? Considere contribuir com qualquer valor (único ou mensal) a partir de R$ 5,00 e incentive a continuidade do Sushi POP. Contribuições públicas ou anônimas são permitidas.

Se preferir, tem o PIX: nagado@gmail.com


App do Sushi POP


- Não perca nenhuma atualização. Já tem o app? Use esse código de convite: 6Q946U