• Ale Nagado

Light novel e a literatura pop

A moderna literatura japonesa no mundo otaku.

Em círculos mais intelectuais, há uma distinção clara entre a chamada “alta cultura” (associada às artes liberais clássicas e à erudição) e a chamada “baixa cultura”, ou cultura popular, aquela feita de forma industrial, massificada, para servir de entretenimento acessível a qualquer um. Grosso modo, a cultura pop está exatamente nessa categoria, sendo associada aos desenhos animados, seriados, filmes de ação, games e personagens de apelo infanto-juvenil.


Assim como a música, a literatura também se adaptou à cultura pop, sendo tanto fonte de novas ideias, como também capitalizando o sucesso de obras de outras mídias na forma de adaptações literárias. Em termos de criações originais, a forma de literatura que mais exerce influência na cultura pop é a light novel.


Light Novel, como o nome diz, é um tipo de romance leve, um produto editorial bem juvenil. São editados na forma de livros recheados de ilustrações, geralmente em estilo mangá e que raramente ultrapassam as 200 páginas, sendo muito apreciados pelo público adolescente. No Japão, também são chamados de “ranobe”, que nada mais é do que uma abreviação japonesa para "raito noberu", a pronúncia de light novel vertida para o modo silábico japonês.

O formato, que muitos veem como um híbrido entre literatura escrita e os quadrinhos, já lançou sucessos que foram vertidos para animê e mangá. As light novels começaram a ganhar a forma como são mais conhecidas na década de 1990.


Em 1997, Boogiepop começou a expandir mais o público, ganhando adaptações em mangá, animê e live-action. Com um público crescente, ficou relativamente comum ver personagens populares de animê e games ganharem uma versão literária nesse formato. Porém, iria demorar um pouco mais até uma personagem surgida em light novel ganhar fama mundial.

O primeiro mega sucesso surgido como light novel foi The Melancholy of Suzumiya Haruhi (Suzumiya Haruhi no Yuutsu), criação de Nagaru Tanigawa com ilustrações de Noizi Ito. Publicado pela Kadokawa em 2003, gerou várias continuações e foi adaptado para mangá e animê com grande sucesso, gerando também vários games. Longe de ser uma obra pioneira, Suzumiya solidificou o formato e ampliou muito a popularidade da mídia, atraindo também os olhares do público internacional de modo mais intenso. Mais de 20 milhões exemplares (entre livros e mangás) dessa série já foram vendidos pelo mundo.


No Brasil, várias light novels foram lançadas pela editora NewPOP, como Re:Zero, Toradora, No Game No Life e outras.


Apesar da definição pouco utilizada no ocidente, o Entame Shousetsu, ou "romance de entretenimento", tem presença forte na cultura pop, com vários livros que deram origem a filmes, mangás e animês. Não se trata apenas de literatura de ficção, pois é identificado com temas fantásticos, ficção científica, distopias, histórias de horror e sobrenatural.

Um exemplo de "entame" conhecido no Brasil é o livro ANOTHER, de Yukito Ayatsuji, que deu origem a mangá, animê e filme live-action, por isso, muitos o chamam erroneamente de “light novel”. No ocidente, tais livros são chamados simplesmente de novel ou romance, que é a definição literária mais amplamente reconhecida para narrativas longas.


Ainda na literatura, muitas franquias famosas ganham licenciamento na forma de livros que podem trazer interpretações autorais, histórias alternativas, canônicas (válidas para a cronologia oficial) ou adaptações. Nessa categoria de romances estão algumas obras da franquia Naruto já lançadas no Brasil, como os romances focados individualmente nos personagens Sakura, Kakashi, Shikamaru e Sonoha (Panini Books). Entre as adaptações de animê, foram lançados no Brasil os livros de Your Name e O Tempo Com Você (Ed. JBC), grandes trabalhos do diretor Makoto Shinkai.


Reinventando-se e se mantendo relevante em um país onde a leitura é um hábito disseminado, a literatura se mantém como uma das grandes forças da cultura pop japonesa.


Alexandre Nagado

----------------------------------------


Campanha no ApoioColetivo

- Contribua com qualquer valor a partir de R$ 5,00 e incentive a continuidade deste blog.


Aplicativo p/ smartphone do Sushi POP

- Não perca nenhuma atualização. Use o link para se juntar: http://wix.to/KxHotzG?ref=so.

Já tem o app? Use esse código de convite: 6Q946U